02/07/2019

Prefeitura abre compra de R$ 1 milhão em vidros e espelhos e convida empresas locais para disputa

Compartilhe

Marcelo Frazão

A Prefeitura de Londrina abriu um pregão para comprar até R$ 1.088.775.99 em serviços de substituição e reposição de vidros e espelhos para diversas secretarias e espaços públicos usados pela comunidade.

O pregão 135/2019 está marcado para 4 de julho, quinta-feira, a partir das 13h, quando a comissão de pregoeiros recolhe os documentos das empresas participantes.

Os serviços devem ser realizados em diversos pontos da cidade, como bases da Guarda Municipal e Corpo de Bombeiros e o Parque Arthur Thomas, além de diversos prédios administrativos das secretarias envolvidas.

O pregão 135/2019 é divulgado pelo Programa Compra Londrina. O programa orienta e incentiva empresas locais a disputar contratos públicos. O Compra Londrina é composto por um comitê formado pela Prefeitura, Sebrae, Associação Comercial e Industrial de Londrina (ACIL) e Observatório de Gestão Pública (OGPL). Mais recentemente, Sercomtel, UEL, CMTU, COHAB e Câmara de Vereadores de Londrina também se integraram à iniciativa.

São 10 lotes de vidros e espelhos em diversos formatos, com e sem instalação – e com e sem retirada de vidros e espelhos antigos, inclusive dando destino adequado aos resíduos e sobras de materiais. Há lotes com vidros lisos, temperados, canelados, foscos, com e sem divisórias, de espessuras variadas. As empresas podem disputar um ou mais lotes, como desejarem.

Os itens abertos para compra e os descritivos de cada produto e serviço - bem como os valores máximos -  estão em http://bit.ly/espelhosevidrositens.

Os locais de entrega e execução podem ser consultados no link http://bit.ly/termodereferencia135.

O edital completo, com todos os documentos que devem ser apresentados pelas empresas, estão no link http://bit.ly/editalcompletovidrosespelhos.

Vale lembrar que o pregão 135 é no formato Registro de Preços: nele, as secretarias requisitam a realização dos serviços ao longo do ano e a empresa deve manter os preços iniciais até o fim do contrato.

Como funciona um pregão?
Segundo o edital, no dia marcado, o pregoeiro recebe as propostas das empresas em documentos impressos assinados.

Em cada lote, o pregoeiro identifica entre os participantes aquele que ofertou o menor valor pelo item.
Identificado o menor valor, o pregoeiro seleciona para a próxima etapa todas as empresas com propostas até 10% acima do menor valor verificado.

Por exemplo: em um lote com teto máximo de R$ 150 mil, uma empresa ofertou o valor de R$ 100 mil no envelope impresso. Após a abertura de todas as propostas das empresas, o pregoeiro identifica ser esta a melhor proposta.

A partir disso, todas as empresas que ofereceram preços no intervalo de R$ 100 mil a R$ 110 mil (10% maior que a menor oferta) estão classificadas para a fase de lances. As demais estão automaticamente desclassificadas.

Apenas as empresas dentro do intervalo descrito participarão de um “leilão invertido” - cujo valor mínimo, no caso do exemplo, é R$ 100 mil. Assim, as empresas são estimuladas pelo pregoeiro da sessão a ofertar lances verbais que cubram a menor proposta, até a desistência dos demais. Assim que o leilão for encerrado, o pregoeiro checa os documentos da empresa com menor valor. Caso estejam de acordo com o edital, ela pode ser considerada a vencedora do pregão.

Inexperiente em licitações? Use a Sala do Compra Londrina
“Estamos focados em atrair empresas iniciantes em licitações. Por isso, ofertamos todo o auxílio possível para elas”, explica Marcelo Frazão, coordenador do Compra Londrina.
O Programa mantém uma sala de orientações, no 1º andar da Prefeitura, especializada em dar suporte, consultorias e treinamentos gratuitos para licitantes e interessados em disputar as compras da Prefeitura. Orientações presenciais podem ser agendadas pelo telefone 3372-4605, das 12h às 18h. O número também pode ser acionado em caso de dúvidas pontuais sobre os editais.
O programa mantém um site onde empresas podem se cadastrar no link http://compralondrina.com.br/cadastre-sua-empresa para receber informações sobre os editais abertos em órgãos como a Prefeitura, UEL, CMTU, Câmara de Vereadores, Cohab e Sercomtel. Acesse, ainda, o Compra Londrina pelo facebook em www.facebook.com/compralondrina.